Dúvidas Frequentes


Sobre cidadania italiana

Dúvidas sobre a cidadania italiana

Inicialmente deve-se saber se há um ascendente que transmite a cidadania italiana. Após isso, deve-se juntar todos os documentos para a requisição, e enviar ao consulado italiano. Após algum tempo, o consulado entra em contato com informações a respeito de sua requisição. Para saber se você tem direito à cidadania, acesso nossa seção cidadania italiana.

Para se informar mais sobre os documentos necessários para os processos, acesse documentos para cidadania italiana.

Lembrando que não há limite de geração para a requisição da cidadania italiana.


Para a obtenção da cidadania italiana, há uma série de meios que influenciam no preço consequentemente. Não há uma resposta fixa sobre o tempo e o custo da obtenção da cidadania italiana. Cada caso é particular no que toca a documentação já existente e em posse da família, assim como o método de concessão (pelo Brasil ou pela Itália). Entre em contato conosco para entendermos o seu caso.


Se a cidadania for adquirida pelo Brasil, a espera pode chegar de oito a 10 anos. Caso a cidadania seja feita pela Itália, a espera é em torno de seis meses. Não é possível acelerar o este tempo de 8 a 10 anos que ocorre no Brasil. O modo mais eficiente para acelerar o processo de obtenção é requisitar através da Itália.


A concessão da cidadania italiana para maiores de idade pelo Brasil pode levar até 12 anos, devido a fila de requerentes.

Tirar a cidadania italiana pela Itália reduz este período para 6 meses em média. Se informe mais em nossa seção cidadania italiana pelo Brasil e pela Itália.


Para conseguir a cidadania italiana em um tempo menor, é aconselhável retirá-la pela Itália.

Acesse nossa seção cidadania italiana pelo Brasil e pela Itália para mais informações.


Geralmente se pede certidão de casamento, nascimento, óbito (se houver) e certidão negativa de naturalização do ascendente. Esses são os documentos essenciais para a requisição. Mas a quantidade de documentos é determinada pelas peculiaridades do processo.

Para saber ao certo os documentos necessários, acesse nossa seção documentos para cidadania italiana.

 


Deve-se entrar em contato com o comune ou cartório do local onde o cidadão italiano casou, nasceu e faleceu (de acordo com o documento em questão), e fazer a requisição.

Converse conosco para se informar sobre a busca e conhecer nossos serviços.


Os documentos devem ser traduzidos por tradutores juramentados e autenticados por um escritório MRE (Ministério das Relações Internacionais). O consulado italiano apenas aceita traduções juramentadas e autenticadas. As traduções não podem conter erros, pois isso pode atrasar o processo de cidadania italiana em questão.

Caso o requerente queira fazer as traduções na Itália, deverá apresentar apenas os certificados originais autenticados pelo Ministério das Relações Exteriores da sua jurisdição, também conhecido como ERESP em São Paulo, ERERJ no Rio de Janeiro, EREMINAS em Belo Horizonte, etc.

A Passaporto possui um corpo de tradutores juramentados, assim como experiência no processo de autenticação pelo MRE. Converse com a gente e tire suas dúvidas sobre esse processo da obtenção cidadania italiana.


Sim, é possível ter mais de uma cidadania.

Você pode adquirir outras cidadanias por naturalização ou por descendência. O único fator que pode complicar é a regra do outro país no qual você estará adquirindo a outra cidadania. O país em questão permite ou não dupla cidadania? Se sim, sem problemas.

Acesse nossa seção da cidadania italiana para mais informações.

 


A legalização de documentos para cidadania italiana não é mais uma etapa necessária para o processo de obtenção da cidadania italiana.

O processo de apostilamento substitui esta etapa de legalização dos documentos. Confira mais em nossa página apostilamento de documentos para cidadania italiana.

A Passaporto pode auxiliá-lo quanto ao apostilamento de seus documentos, assim como às outras etapas desse processo. Entre em contato.

 


Sobre passaporte italiano

Dúvidas sobre o passaporte italiano

Sim. O passaporte italiano é uma das consequência da cidadania italiana. O passaporte italiano de nada vale sem a cidadania italiana.

Para saber mais sobre a emissão do passaporte italiano, assim como a requisição de sua cidadania italiana, acesso nossas seções passaporte italiano e direito à cidadania italiana.


Para tirar o passaporte italiano é preciso ter a situação cadastral atualizada no consulado italiano de sua circunscrição por meio do A.I.R.E. Após isso, será necessário fazer um cadastro no sistema do consulado on-line para o agendamento da entrevista para tirar o passaporte italiano no consulado italiano. Após apresentar o pedido no dia do agendamento, seu passaporte italiano será enviado em 40 dias para seu endereço de residência.

Para saber mais sobre o processo para tirar o passaporte, acesse nossa secção sobre o passaporte italiano.


Sim. O passaporte italiano é individual até mesmo para menores de idade. O processo para a emissão do passaporte italiano para menores de idade é feito da mesma maneira que é feito para os adultos.

Para saber mais sobre a emissão do passaporte italiano para menores de idade, acesso nossa seção passaporte italiano.


O agendamento do passaporte italiano é feito online e, por isso, é extremamente concorrido e requer experiência para a marcação em uma data desejável.

Para o agendamento, serão necessários alguns documentos e dados pessoais para o preenchimento do formulário de cadastro. Após esse preenchimento, deve-se agendar o dia para ir ao consulado apresentar o pedido de emissão. Mais detalhes são encontrados em nossa seção agendamento do passaporte italiano.

Nós realizamos o agendamento para você. Converse com a gente e tire suas dúvidas.


Demoram 40 dias após a entrevista de emissão para quem mora no estado de São Paulo. O passaporte italiano chegará à casa do requerente via correio.  Esse período varia eventualmente, mas, na média, se mantém fixo.

Para mais informações sobre o passaporte italiano acesse nossa seção passaporte italiano.

Converse com a gente e tire suas dúvidas


Atualização cadastral do núcleo familiar (pai, mãe e filhos menores) feita no consulado italiano. A atualização do A.I.R.E. é indispensável para a emissão do passaporte italiano. O consulado só permite a emissão quando todos os dados do núcleo familiar estão devidamente atualizados no padrão consular.

Para saber mais sobre a emissão do passaporte italiano acesse nossa seção passaporte italiano.


O preço do passaporte italiano, no consulado italiano, consiste em 116 euros, que corresponde à produção da documentação e à validade de 10 anos do documento. Esta é uma taxa única para este período de 10 anos, ou seja, não há a necessidade de renovação da taxa até à validade do passaporte italiano expirar.

O valor em reais dependerá do cambio no momento da entrevista de emissão do passaporte italiano que será agendada.


Não é mais previsto o sistema para renovar o passaporte italiano por uma questão de segurança e integridade do documento, haja vista as reformulações deste documento com o passar dos anos: o passaporte italiano, hoje, pode ser considerado uma mescla de documento digital com documento impresso em papel devido a adaptação do chip em seu material. O chip que se adquire ao renovar o passaporte italiano do modelo antigo visa a segurança das informações, assim como um melhor controle do que se passa nos portos e aeroportos no que toca a identificação dos cidadãos.

Visto que não há mais há mais o sistema para renovar o passaporte italiano, é necessário uma nova emissão deste documento. O processo para emitir o passaporte italiano é igual tanto para aqueles que tinham o passaporte quanto para aqueles que nunca emitiram. Acesse nossa seção renovação do passaporte italiano e emissão do passaporte italiano para mais informações sobre sua emissão.


Sobre a cidadania portuguesa

Dúvidas sobre a cidadania portuguesa

 

O consulado português não tem poder jurídico para executar o processo de divórcio, mesmo de cidadãos portugueses. Este processo de atualização deve ser feito diretamente em Portugal com advogados contatos diretamente em Portugal (ou com presentação em Portugal).

 

Converse com a Passaporto. Nós temos advogados especializados em Portugal para realizar seu processo.

 


 

O bisneto de português poderá tirar a cidadania portuguesa caso todas as gerações até o cidadão português estiverem vivas. Porém será possível tirar a cidadania quando uma das gerações da linhagem não estiver viva na condição do requerente possuir vínculo efetivo com o Portugal (vínculo cultural, conta em um banco português, imóvel, viagens frequentes e etc).


 

O neto de português poderá tirar a cidadania portuguesa caso os filhos do cidadão português (pais do requerente) sejam vivos. Caso os pais não estiverem vivos será necessário apresentar vínculo efetivo com o Portugal (vínculo cultural, conta em um banco português, imóvel, viagens frequentes e etc).


 

Caso o cidadão português tenha nascido em Portugal, é direito adquirido.

Caso a nacionalidade do pai/mãe tenha sido adquirida de geração para geração, também é um direito adquirido.

Caso a nacionalidade do pai/mãe tenha sido adquirida por ser neto de cidadão português, cada caso deve ser avaliado principalmente se ocorreu antes de 30/06/2017.


 

Caso a cidadania tenha sido adquirida por nascer em Portugal, é um direito adquirido dos filhos.

Caso a cidadania tenha sido adquirida de geração para geração, os filhos assim como todas as linhagens terão direito.

Caso a cidadania tenha sido adquirida por ser neto(a) de português, o processo deverá ser avaliado.


 

Todos os processos de concessão da cidadania portuguesa por casamento devem ser analisados caso a caso quando o cidadão português adquiriu a nacionalidade de um familiar.

Pontos importantes:

  1. Há necessidade de vínculo efetivo com Portugal;
  2. É considerado o tempo de casamento;
  3. É obrigatório no mínimo 3 anos de casamento;
  4. É observado o período em que o cidadão possui a cidadania adquirida;

 

Cada processo de cidadania possui um valor distinto, pois depende do tipo de processo e das peculiaridades de cada processo.

O custo é composto basicamente por:

  1. Documentação de acordo com padrão consular;
  2. Taxa consular ou, caso seja feito em Portugal, do governo;
  3. Caso haja contratação de assessoria, dos honorários de cada processo.

 

Não é possível estimar o tempo, pois depende de cada tipo de processo e onde será realizado (no Brasil ou em Portugal).

Os processos realizados em Portugal costumam ser mais rápidos.

O fator documentação também é considerado importante nesse quesito, pois se for necessário fazer pesquisa e busca de documentos do cidadão português, poderá se estender o prazo.


 

Os processos de cidadania ocorrem por geração. Sendo os membros da família da  mesma geração, é possível fazer ao mesmo tempo.

Sendo as gerações diferentes, é necessário fazer a 1ª geração (filho do português); concluída esta geração, poderá iniciar o processo da 2ª geração (neto de português) e assim, sucessivamente.